Ano 6 - nº 19 - maio/agosto de 2014

A LINDA FILHA DA PRIMAVERA
Rubens Francisco Lucchetti



Com o seio inundado de amor para dar,
a Linda Filha da Primavera,
uma noite, sob o pálido luar,
a rosa cor de sangue veio ao bosque buscar.



Sua graça cativante –
de andar silencioso, ondulante
à luz da Lua ululante –
mostrou-se toda de branco.



Como me senti feliz
por poder sua beleza observar.
Foi como o sol dos dias de verão
que já não mais posso contemplar.



Agora, no refúgio do meu jazigo, sonho.
E a sonhar me atormento,
porque à Linda Filha da Primavera
a imortalidade não desejo dar.

 

Rubens Francisco Lucchetti é ficcionista e roteirista de Cinema e Quadrinhos