Ano 5 - nº 17 - setembro/dezembro de 2013

UMA CENA CLÁSSICA
Norman Mailer



Marilyn Monroe teve, em Loucos de Amor (Love Happy, 1950), um momento clássico – o famoso movimento ondulatório de seus quadris foi revelado pela primeira vez nesse filme. Trata-se de um momento estrondoso de risadas no filme: a bárbara atração que a bunda de uma jovem desconhecida exercia sobre Groucho Marx, que, com um olhar lúbrico, meteu seu charuto na boca.
“Qual é o problema?”, perguntou ele.
“Os homens insistem em seguir-me o tempo todo...”
Marilyn disse essas palavras e saiu de cena, tendo metido Mae West num bolso e Jean Harlow no outro. (...)
Marilyn viajou para Nova York num empreendimento publicitário para divulgar Loucos de Amor e foi acolhida pela imprensa com um enorme entusiasmo, se considerarmos que era uma starlet desconhecida com apenas trinta segundos num filme! Apareceu em todos os jornais com três casquinhas de sorvete em cada mão, num dia quente de junho, sorrindo para Nova York (...).

 

Este texto foi transcrito do livro Marilyn (Marilyn – A Biography, tradução de Fernando de Castro Ferro, Rio de Janeiro, Civilização Brasileira, 1973, pp. 43-44), de Norman Mailer